Brasileirinhos no Chile – Português Língua de Herança (PLH)

Quem somos?

Meu nome é Cristina, tenho um filho de 5 anos, sou brasileira, mas atualmente estou morando no Chile. Comecei a estudar espanhol com a Ana Carolina Urrutia, que é uma professora entusiasta, gosta de ensinar idiomas para adultos e crianças, e ama criar ou reinventar projetos.

Ela me convidou para participar de mais uma linda iniciativa: “Brasileirinhos no Chile”. Fiquei muito feliz com o convite porque eu sou professora no Brasil e gosto muito de trabalhar com crianças e acompanhar o desenvolvimento delas.

Francesca, que também é brasileira, vivendo aqui em Santiago e com um filho de 4 anos, se somou a esta proposta e formamos uma bela parceria em que cada uma contribui e enriquece mais ainda o projeto.

Português como língua de herança (PLH)

Mas o que é língua de herança? Por que ter contato com a língua portuguesa?

Em pesquisas pela internet, Ana Carolina viu que em alguns países são desenvolvidas atividades para que crianças brasileiras ou filhos de brasileiros tenham contato com a língua portuguesa como herança, atendendo a um desejo dos pais, que querem que seus filhos tenham contato com esse idioma e com a cultura brasileira.

Trata-se de um idioma que será passado de pais para filhos, englobando não só a parte linguística, como outras questões culturais. Aprender ou manter vivo um idioma permite relacionar-se com os parentes e permite que a criança interaja com outras pessoas quando for ao Brasil.

Acreditamos que a soma do que as famílias desenvolvem no seu lar e as atividades realizadas pelo “Brasileirinhos no Chile” é enriquecedora para estimular o aprendizado nas crianças. Em casa, os pais podem contar suas experiências, as histórias que marcaram a sua infância. Porém em comunidade, ou seja, nos encontros do “Brasileirinhos no Chile”, a criança vivencia as brincadeiras como o “Corre cutia” que é um jogo realizado com a participação de várias pessoas. São conhecimentos diferentes que fortalecem o contato com a cultura brasileira.

Cada família age de uma maneira diferente, segundo sua decisão. Não existe o certo e o errado quando a questão é manter ou não viva a cultura do país de origem. Há famílias que, ao mudar de país, fortalecem o novo idioma e a nova cultura como forma de proteção dos filhos. Existem aqueles que conhecem a nova cultura, aprendem a respeitá-la, mas estando em sua casa, fazem predominar a cultura de origem. É uma decisão de cada família. Temos encontrado diferentes decisões e cada uma deve ser respeitada.

O projeto vem para colaborar com aqueles que têm interesse em apresentar ou não se distanciar da língua portuguesa.

Projeto Brasileirinhos no Chile

Aqui em Santiago do Chile, o projeto tem como público crianças brasileiras ou filhos de brasileiros entre 3 e 6 anos. A ideia é apoiar os pais no sentido de preservar, recuperar ou, até mesmo, ensinar a língua portuguesa de uma maneira lúdica, por meio de diferentes atividades.

Os encontros são realizados no Parque Araucano que possui um espaço amplo que permite a realização de atividades práticas de pais e filhos.

A participação dos responsáveis durante todas as atividades permite uma interação familiar com a cultura brasileira.

Nos encontros, abordamos a diversidade cultural: desde as músicas que são cantadas, as brincadeiras desenvolvidas, as palavras estudadas e o lanchinho ao final dos encontros.

Temos a comunidade Brasileirinhos no Chile em uma rede social, na qual buscamos alimentar com diferentes temas, como forma de enriquecer as atividades desenvolvidas nos encontros, além de propiciar um alcance maior de pessoas de diferentes faixas etárias.

Em 2016 realizamos cinco encontros e já estamos organizando os encontros de 2017. A primeira atividade será com o tema Carnaval, que é a celebração mais popular do Brasil.

Venha participar conosco deste lindo projeto!

Acompanhe aqui o >> Brasileirinhos no Chile<< Cristina Dorelli Prado Almeida, brasileira, mãe do Gabriel de 5 anos, professora de educação básica da Prefeitura de Sorocaba (São Paulo – Brasil). Com 16 anos de experiência na área da educação, ocupando cargos como professora, assistente de coordenação, orientadora pedagógica e alguns cargos na Secretaria da Educação de Sorocaba. Atualmente participando do Projeto “Brasileirinhos no Chile”. Entre em contato com ela por e-mail cristinadorelli79@gmail.com.

Veja nosso vídeo e faça parte da nossa comunidade 🙂